Pesquisar
Close this search box.

Como vender na Amazon: cadastro e lista de produtos para vender

Para vender na Amazon você precisa: acessar o site da Amazon e clicar na opção “comece a vender”, na central do vendedor crie a sua conta informando seus dados pessoais e após a aprovação cadastre seus produtos para começar a vender oficialmente.
como vender na Amazon

Principais tópicos

A Amazon foi fundada em 5 de julho de 1994 por Jeff Bezos.

A empresa, que começou como uma livraria online, se expandiu, tornando-se uma gigante do varejo online, presente em mais de 20 países e comercializando uma ampla variedade de produtos.

Ao longo dos seus trinta anos de existência, ela passou por inúmeras transformações, ampliando a gama de produtos e os sistemas de vendas.

Hoje, pessoas físicas e jurídicas podem se cadastrar e vender produtos usando a plataforma.

Neste artigo, focaremos nas dicas e orientações sobre como vender na Amazon.

Saiba quais são os diferenciais da plataforma, as vantagens, regras, formas de registro e cadastro, entre outros aspectos relevantes que precisam ser avaliados antes de começar a trabalhar com a Amazon.

Acompanhe e descubra!

Por que vender na Amazon?

A Amazon é referência entre os marketplaces e uma ótima solução para empresas que desejam impulsionar o crescimento de suas operações no cenário digital.

Se o seu objetivo é atingir um público maior, expandir para novos mercados e desfrutar de uma gestão simplificada, vender na Amazon pode ser uma ótima escolha.

A seguir, destacamos algumas das principais razões que podem servir como motivação para quem quer começar a vender. Confira!

Visibilidade

A Amazon é um dos maiores marketplaces do Brasil, com uma média de 260 milhões de visitantes mensais.

Ao escolher a plataforma, o seu produto terá a chance de ser visto por um público enorme, aumentando consideravelmente as chances de venda.

Compradores internacionais

Um dos diferenciais da Amazon em relação a outros marketplaces brasileiros é o fato dela permitir que o seu negócio alcance compradores em outros países como Estados Unidos, Canadá e México.

A empresa torna a venda internacional mais fácil e acessível, abrindo portas para novos mercados e oportunidades.

Dropshipping descomplicado

Experimente o modelo de vendas sem estoque! Com o dropshipping na Amazon, você atua como intermediário, conectando fornecedores e clientes, sem necessidade de investimento em estoque.

Gestão simplificada

O empresário pode direcionar suas atividades exclusivamente para a Amazon, assim, é possível gerenciar todas as suas vendas em um só lugar, com uma conta única na plataforma.

Isso elimina a necessidade de gerenciar diferentes plataformas e simplifica as operações.

Agilidade no recebimento dos pagamentos

A Amazon oferece repasse gratuito dos valores das suas vendas, sem taxas extras.

Isso significa que você recebe o dinheiro integral da venda em sua conta bancária, inclusive para vendas parceladas, sem custos adicionais.

Suporte e recursos abrangentes

A Amazon oferece um completo sistema de suporte e recursos para vendedores, incluindo treinamentos, ferramentas de gestão e acesso à equipe de especialistas. Adiante, falaremos mais sobre eles.

Segurança e confiabilidade

A plataforma da Amazon é segura e confiável, tanto para você quanto para seus clientes. Os pagamentos são processados com segurança e o marketplace oferece proteção contra fraudes.

Recursos para impulsionar a reputação e fortalecer sua marca

Crie sua loja virtual dentro da Amazon e construa sua marca com ferramentas de personalização.

A plataforma oferece recursos para impulsionar sua reputação e fidelizar clientes, o que pode contribuir para o crescimento do seu negócio.

Soluções personalizadas

A Amazon oferece diferentes planos de venda para atender diferentes necessidades e ritmos de crescimento.

Você pode escolher um plano que se adapta ao seu negócio, criando um ambiente favorável para maximizar os resultados.

O marketplace da Amazon está em constante crescimento e oferece diversas oportunidades para os vendedores.

Ele representa uma ótima oportunidade para quem deseja explorar novos nichos de mercado, experimentar novos produtos e expandir seu negócio, vinculando-se a uma plataforma líder em e-commerce no Brasil e no mundo.

Quais são os diferenciais da Amazon?

Um dos principais diferenciais da Amazon em relação a outras plataformas de marketplace é a possibilidade do seu negócio atender clientes de fora do país.

Com a plataforma, é possível alcançar compradores em outros países como Estados Unidos, Canadá e México.

A Amazon torna a venda internacional mais fácil e acessível, abrindo portas para novos mercados e oportunidades.

Além disso, vale a pena destacar a possibilidade de integração com ferramentas de gestão, as empresas podem conectar a Amazon com o seu sistema de gestão de pedidos, estoque e finanças, otimizando as operações e aumentando a produtividade.

A empresa oferece às lojas parceiras e vendedores, ferramentas de marketing próprias como o Amazon Ads e o Amazon Marketing Services.

Somado a isso, as promoções exclusivas da plataforma são oportunidades para aumentar as vendas e se destacar da concorrência.

Entre as promoções mais populares estão a Black Friday, Cyber Monday, Prime Day e Semana do Consumidor da Amazon.

Quem pode vender na Amazon?

O cadastro para venda na Amazon pode ser feito tanto por pessoa física quanto por pessoa jurídica. Para se cadastrar, é necessário ter um CPF e/ou CNPJ válidos.

Além disso, é preciso informar uma conta de e-mail válida e ter um conta bancária ativa. Importante destacar que a conta bancária deve estar em nome do titular do CPF ou CNPJ cadastrado.

Também é necessário ter um cartão de crédito válido já que esse documento é utilizado para a verificação da sua conta.

Além disso, a plataforma exige comprovante de endereço e que você precisa estar atento a isso.

O endereço deve ter a mesma informação fiscal de cadastro da loja. Após cadastrada essa informação ela não poderá ser alterada.

Para ter acesso aos programas de logística da Amazon, o cadastro precisa ser feito por meio de CNPJ.

O que pode ser vendido na Amazon?

A Amazon começou suas atividades, há trinta anos, como uma livraria virtual.

Porém, no decorrer da sua história ela começou a oferecer diversas outras categorias de produtos. Hoje, você pode vender muitos produtos, confira alguns deles:

  • Eletrônicos, como celulares, smartphones, tablets e computadores;
  • Equipamentos de televisão e áudio;
  • Câmeras e filmadoras;
  • Eletrodomésticos;
  • Videogames e acessórios;
  • Livros físicos, livros digitais e audiolivros;
  • Roupas masculinas, femininas e infantis.
  • Acessórios como sapatos e bolsas;
  • Produtos de maquiagem e skincare;
  • Utensílios de cozinha;
  • Móveis e itens de decoração;
  • Produtos para jardinagem;
  • Produtos para animais de estimação;
  • Produtos de saúde;
  • Artigos de esporte e lazer;
  • Brinquedos;
  • Ferramentas; e,
  • Materiais de construção.

Essas são apenas algumas categorias, há uma lista de enorme de produtos aceitos.

Porém, é importante destacar que nem todos os produtos são aceitos, especialmente produtos de uso restrito ou proibido — produtos perigosos, armas e drogas, por exemplo.

Para obter mais informações sobre os produtos que podem ser vendidos na Amazon, consulte a Política de Produtos Proibidos e Restritos.

Quais os planos disponíveis?

A Amazon oferece dois planos: individual e profissional.

O primeiro, é recomendado para iniciantes, enquanto o segundo é mais interessante para vendedores experientes. A seguir, explicamos as principais características e diferenças entre eles. Confira!

Plano de vendedor individual

Neste plano, a Amazon cobra R$2,00 por venda + taxa de venda por categoria. Os benefícios do plano, incluem:

  • Acesso às páginas de ajuda;
  • Contato com a equipe de suporte ao vendedor parceiro;
  • Acesso a treinamentos gratuitos;
  • Recebimento de pagamento à vista por compras parceladas; e,
  • Opção de vender em categorias adicionais.

Plano de vendedor profissional

Neste plano, a Amazon cobra R$ 19,90 por mês + taxa de venda por categoria. Os benefícios do plano, incluem:

  • Acesso às páginas de ajuda;
  • Contato com a equipe de suporte ao vendedor parceiro;
  • Acesso a treinamentos gratuitos;
  • Recebimento de pagamento à vista por compras parceladas;
  • Opção de vender em categorias adicionais;
  • Use de integradores para gerenciamento da loja;
  • Acesso ao programa de Logística da Amazon (FBA);
  • Acesso à publicidade e promoções exclusivas;
  • Elegibilidade para acesso a “oferta em destaque”, caso tenha uma boa performance;
  • Possibilidade de adicionar produtos em massa ao inventário, otimizando o tempo;
  • Gerenciamento de inventário com planilhas, relatórios e folhas de cálculo;
  • Personalização de taxas de envio para produtos; e,
  • Possibilidade de adicionar vários usuários à sua conta de vendedor parceiro.

O primeiro plano é bem mais restrito e costuma ser uma opção interessante para quem está começando e tem pouco volume de vendas.

A segunda opção de plano é mais voltada para vendedores experientes, com sistema de gestão e alta previsibilidade de vendas.

A dica é que você avalie o contexto do seu negócio e estude os dois planos com calma, considerando a realidade e expectativa das suas operações.

Quanto custa vender na Amazon?

Além do custo com os planos, que acabamos de mencionar, o lojista também precisa considerar as tarifas dos programas logísticos da Amazon.

Neste sentido, é importante ter em mente que os custos variam segundo o método de envio que o lojista escolher para trabalhar com os seus pedidos. Existem quatro opções:

A seguir, apresentamos algumas informações sobre essas tarifas, porém, vale destacar que o custo final precisa ser analisado conforme o método de envio e plano escolhidos.

FBA – Logística da Amazon

O lojista que opta pelo FBA está sujeito ao pagamento de comissões de venda da Amazon e outras cinco tarifas:

  • Tarifa de logística — por unidade, cobrada com base no peso e dimensões do produto, os valores variam entre R$ 14,05 e R$ 47,45. Produtos acima de 10 kg, limitados até os 22kg, tem o acréscimo de R$ 3,25 por peso adicional.
  • Tarifa de remoção de inventário — por unidade, para enviar o inventário de um centro de distribuição da Amazon de volta ao seu armazém, os valores variam entre R$ 0,99 até R$ 3,60, também com regras específicas relacionadas a peso adicional.
  • Tarifa de armazenagem de inventário — custo relacionado ao pagamento do espaço que o inventário da sua loja ocupa nos centros de distribuição. A Amazon cobra o valor de R$ 75,00 por metro cúbico como uma tarifa mensal de armazenagem. A cobrança é feita sempre no mês subsequente ao da utilização.
  • Tarifa de armazenagem de inventário a longo prazo — tarifa cobrada pelo inventário que está no centro de distribuição há mais de 365 dias, está uma tarifa adicional àquela paga mensalmente. O valor cobrado é de R$ 525,00 por metro cúbico.
  • Tarifa de coleta — valor cobrado por caixa, com base no peso e no endereço de coleta da mercadoria. O valor varia conforme o estado de origem, sendo interessante consultar as informações específicas diretamente na página de logística da Amazon.

FBA Onsite – Logística da Amazon

O lojista que opta pelo FBA Onsite são cobradas uma tarifa de tecnologia e uma tarifa de logística por unidade. Confira as orientações da Amazon:

A tarifa de logística serve para agenciar o serviço de transporte do vendedor e da transportadora, e a tarifa de tecnologia será devido ao uso do Sistema de Gerenciamento de Armazéns (WMS).

A tarifa de logística varia de acordo com a faixa de peso e o local do vendedor parceiro, classificados por área geográfica (zonas 1 e 2) e estado de origem da remessa.

Envio pelo vendedor — logística própria

Nesta opção, o vendedor fica responsável pela logística de entrega da mercadoria.

Assim, você deve define o custo final do frete. Vale lembrar que, nesta categoria, a Amazon cobra a comissão de venda sobre o valor total do produto, ou seja, considerando preço e frete, somados.

Na página de logística da Amazon é possível consultar informações completas e específicas como tabelas de custos e outros dados relevantes que devem ser analisados segundo as demandas específicas do seu negócio.

Como se registrar para começar a vender?

O processo de registro para começar a vender é muito simples.

Acesse o site da venda da Amazon e clique na opção “Comece a vender”. Você será direcionado para a Central do Vendedor, onde poderá criar sua conta.

Para criar a conta você precisa preencher um formulário com as seguintes informações:

  • Nome completo;
  • Endereço de e-mail;
  • Endereço;
  • Número de telefone;
  • Número de CPF ou CNPJ; e,
  • Informações bancárias.

Depois, você precisa escolher o seu plano de vendas. Lembre-se que existem duas opções: o plano individual e o plano profissional, os quais detalhamos e explicamos anteriormente.

Escolhido o plano, forneça as informações detalhadas sobre seus produtos, incluindo dados como: título, descrição, imagens, categoria e preço do produto.

No próximo passo, a Amazon verificará sua conta, processo que pode durar alguns dias. Após verificada, você pode começar a listar seus produtos e iniciar suas vendas no marketplace.

Documentos necessários

Para o cadastro, tenha em mãos um documento de identificação, como identidade, passaporte, carteira de motorista ou identificação da empresa.

Também é necessário ter um cartão de crédito para a verificação da conta e comprovante de endereço ou extrato bancário do titular da conta bancária.

Como fazer o cadastro de produtos?

Acesse a Central do Vendedor e faça o login em sua conta. Depois, clique na guia “Inventário”, seguido de “Adicionar produtos”.

Em seguida, escolha um método de adição: oferta a uma publicação já existente ou criação de nova oferta.

Para cadastro de oferta a uma publicação já existente

Digite o ISBN, UPC, EAN ou ASIN do produto que você deseja vender, selecione a oferta que corresponde ao seu produto, preencha as informações adicionais e revise sua oferta.

Para cadastro de criação de uma nova oferta

Selecione a categoria do seu produto, em seguida, preencha as informações do produto, defina o preço e a disponibilidade. Revise as informações e envie para aprovação.

Para aumentar as chances de fechar vendas, vale a pena considerar as seguintes dicas durante o cadastro dos seus produtos:

  • Utilize palavras-chave relevantes no título e na descrição do produto;
  • Forneça imagens de alta qualidade;
  • Defina um preço competitivo;
  • Ofereça frete grátis, se possível; e,
  • Responda rapidamente às perguntas dos clientes.

Como escolher produtos rentáveis para vender na Amazon?

Se você está em dúvida com relação à rentabilidade dos seus produtos e viabilidade de venda na Amazon, a dica é realizar uma pesquisa de mercado.

Análise as tendências, usando ferramentas como Google Trends, Jungle Scout e AMZScout, que podem ajudar a identificar produtos com alta demanda e potencial de crescimento.

Realize, ainda, uma análise da concorrência, avalie o comportamento dos concorrentes em termos de preço, qualidade, avaliações e posicionamento.

Neste contexto, buscar nichos com menor concorrência e alta demanda pode ser uma boa estratégia para iniciantes.

Com a sua pesquisa de mercado pronta, faça uma avaliação de viabilidade do produto. Para isso, você precisará realizar alguns cálculos e pesquisas:

  • Cálculo da margem de lucro — considerando, custos de produção, envio, armazenamento, taxas da Amazon e impostos.
  • Análise do volume de vendas — estime o volume mínimo de vendas necessário para que você tenha lucros.
  • Pesquisa de fornecedores — encontre fornecedores confiáveis, que ofereçam produtos de qualidade com preços competitivos.

Para obter resultados satisfatórios, é interessante que você considere vender produtos que você conhece e já utiliza. A sua experiência pessoal pode fazer toda a diferença para o sucesso do seu negócio.

Além disso, certifique-se de que os produtos escolhidos estejam em conformidade com as políticas da Amazon e considere aspectos como a sazonalidade.

Quais são as categorias de produtos mais populares na Amazon?

A Amazon é um marketplace dinâmico que oferece uma infinidade de produtos e opções tanto para quem quer saber como vender na Amazon, quanto para os consumidores.

A seguir, listamos algumas categorias de produtos mais populares. Confira!

  • Venda celulares;
  • Venda artesanato;
  • Venda máscaras;
  • Venda produtos para pets;
  • Venda toupas;
  • Venda tênis;
  • Venda livros; e,
  • Venda móveis.

Como integrar minha loja Tray com a Amazon?

A integração da loja Tray com a Amazon é super simples.

Importante destacar que a intregação só é possível se você tiver o Plano Profissional da Amazon. Confira, a seguir, um passo a passo para integrar e começar a vender na Amazon:

  • No painel administrativo, acesse a opção “Marketplaces”, seguido da opção “Amazon”;
  • Clique na opção “Realizar autenticação Amazon”;
  • Leia os termos de integração, se concordar com ele, dê um aceite selecionando a opção “Concordo com os termos de integração disponíveis no meu plano”, depois, é só clicar na opção “Continuar”;
  • Será aberta uma nova janela na qual você precisará fazer o login na sua conta Amazon, preenchendo informações relativas à sua empresa;
  • Depois, autorize o acesso para que a Tray possa visualizar e editar os dados da conta;
  • Atente-se para que aqui você também precisará ler e concordar com termo de aceite para continuar;
  • Após a confirmação, clique na opção “Ativar Integração”;
  • Você será direcionado para a tela configurações, na qual encontrará o quesito “estoque”. Neste campo, você deve inserir o estoque mínimo para as ofertas ficarem ativas no marketplace. Segundo a Amazon, é recomendado que o estoque mínimo seja igual ou maior que três. Assim, se você tiver apenas duas unidades, o seu anúncio será pausado.
  • No quesito “marca” você pode optar por uma entre três opções — enviar nome da loja somente quando não houver EAN; forçar sempre a marca original; ou, forçar sempre o nome da loja como marca.
  • Por fim, no “preço de venda” você tem a alternativa de criar uma regra de preço diferenciada para Amazon, com acréscimo de um percentual que considera os custos e taxas;
  • Após concluir as configurações, basta clicar na opção “Salvar”;
  • Aparecerá uma mensagem para que você autorize as atualizações, aí, basta selecionar a opção “Continuar”; e,
  • Para finalizar, selecione novamente a opção “Continuar” e pronto, sua integração foi realizada com sucesso!

Depois da primeira venda, como saber se estou indo bem no marketplace?

Para oferecer uma ótima experiência de compra e ter sucesso na Amazon, os vendedores precisam monitorar e analisar diversas métricas. As principais categorias de métricas se dividem em:

Desempenho do produto

Considere a taxa de conversão, ou seja, percentual de visitantes que compram seu produto.

Dados de quantidades de unidades vendidas por período, valor total de vendas por período, lucro líquido após custos de produção, envio, taxas e impostos, número de avaliações e média também são dados importantes.

Saúde da conta

A saúde da conta também permite que você avalie o desempenho das suas vendas na plataforma. Vale a pena ficar de olho:

  • Índice de desempenho do vendedor (SPI), que mede o cumprimento das políticas da Amazon;
  • Taxa de cancelamento pré-fulfillment, que representa a porcentagem de pedidos cancelados antes do envio;
  • Taxa de devolução, porcentagem de produtos devolvidos; e,
  • Tempo de resposta às mensagens, ou seja, tempo médio para responder às mensagens dos clientes.

Tráfego e conversão

É interessante analisar o número de visualizações de página, ou seja, quantas vezes seu produto foi visto; além do número de cliques em “adicionar ao carrinho” e a taxa de cliques (CTR), que informa a porcentagem de visualizações que resultaram em cliques.

Experiência do cliente

A experiência do cliente é ponto-chave para alcançar o sucesso da sua marca, especialmente a fidelização. Por isso, analise aspectos como o tempo de resposta às perguntas, o número de feedbacks negativos (com 1 ou 2 estrelas), e a satisfação geral dos clientes.

A Amazon oferece diversos relatórios para analisar as métricas da sua conta, basta conferir os relatórios de Seller Central.

Além disso, existem opções de ferramentas pagas que oferecem análises mais detalhadas e insights valiosos.

Para ajudá-lo na avaliação do desempenho, tenha em mente que as métricas ideais são:

  • Índice de pedidos com problemas abaixo de 1%;
  • Índice de envios tardios abaixo de 4%; e,
  • Taxa de cancelamentos anteriores ao envio abaixo de 2.5%.

Como crescer na Amazon?

A plataforma oferece diversas ferramentas que auxiliam você a vender mais e expandir os seus negócios. Conheça cada uma delas a seguir:

FBA — Logística da Amazon

Por meio da ferramenta FBA, a Amazon armazena, embala e envia os seus produtos para os clientes.

Essa ferramenta é ideal para empresas que desejam focar suas atividades em vendas e marketing.

O uso inteligente e planejado do FBA pode contribuir para aumentar a taxa de conversão e a satisfação dos clientes.

DBA — Delivery by Amazon

Por meio do Delivery by Amazon, você tem acesso à entrega rápida e confiável dos seus produtos.

Essa opção é interessante para quem deseja oferecer aos seus clientes uma experiência de compra premium, contribuindo para aumentar a fidelidade e a competitividade.

Promoções e anúncios patrocinados

A Amazon oferece soluções de promoções e anúncios patrocinados, com eles, você pode aumentar a visibilidade da mercadoria e alcançar mais clientes.

Também é possível criar promoções relâmpago, ofertas do dia e cupons.

Os anúncios patrocinados são uma ferramenta incrível para direcionar o tráfego dos produtos e ampliar as oportunidades de vendas.

Preços automatizados

A ferramenta de preços automatizados permite que você ajuste os preços automaticamente, podendo manter a sua competitividade.

A ideia é definir regras de precificação personalizadas, baseadas em diferentes cenários.

Qualidade de catálogo

Outra solução super interessante, que melhora a visibilidade e aumenta a possibilidade de conversão dos produtos é a gestão de qualidade do catálogo.

Siga as dicas e orientações da Amazon, mantendo seus listings atualizados e otimizados. Componha um catálogo com imagens em alta qualidade, detalhadas e acompanhadas de descrições completas.

Amazon Mentor

Por meio do programa Amazon Mentor você recebe suporte e orientações de especialistas da Amazon.

Receba dicas e conselhos personalizados que ajudarão a melhorar o desempenho do seu negócio, impulsionando vendas e aumentando a conversão.

Além dessas ferramentas, vale a pena destacar os Relatórios de Seller Central, que permitem a análise de métricas do negócio e a identificação de oportunidades de melhoria.

As ferramentas de pesquisa de palavra-chave ajudam a encontrar as palavras mais relevantes para utilizar na descrição dos seus produtos.

Somado a isso, as ferramentas de análise de concorrência permitem que você compare o seu desempenho com o de seus concorrentes, trazendo insights relevantes para o seu negócio.

Como você pode ver, vender na Amazon oferece uma oportunidade única para empreendedores e empresas de todos os tamanhos que desejam ampliar a sua base de cliente.

A plataforma proporciona uma infraestrutura robusta e ferramentas poderosas para impulsionar as vendas e expandir o alcance de produtos. Além disso, contam com uma base considerável de clientes e usuários ativos.

No entanto, antes de começar a vender, é importante ter em mente que o sucesso na Amazon requer um entendimento profundo sobre as nuances do marketplace, incluindo otimização de listagem, gestão de estoque, atendimento ao cliente e estratégias de marketing.

Ao adotar uma abordagem proativa, adaptável e centrada no atendimento às necessidades do cliente, os vendedores podem aproveitar ao máximo todo o potencial que a Amazon oferece para aumentar as vendas e construir um negócio próspero a longo prazo.

Conteúdos que podem te interessar:

Tendências do varejo: o que você precisa saber para vender em 2024
Como importar produtos: confira o passo a passo e melhores dicas para encontrar fornecedores confiáveis
Estoque centralizado e descentralizado: entenda as diferenças e defina a melhor opção para seu e-commerce

Adquira sua Loja Online em Minutos!

Vamos ajudar você a abrir sua loja virtual na Tray agora mesmo.

Preencha as informações abaixo e te ligamos em até 1 minuto.

Em 1 minuto mesmo! Preencha aqui que nós ligamos para você

A Tray tem tudo que você precisa para escalar seu negócio!

Abra sua loja na Tray

Você já é um cliente Tray?

Não perca os nossos mais recentes lançamentos e mantenha-se atualizado!

Confira os Planos Tray e abra sua loja virtual

Mensal
Anual

Plano 1

52
Economize R$84
R$ 624 por ano
em até 6x sem juros

Melhor custo benefício

Plano 2

94
Economize R$60
R$ 1.128 por ano
em até 6x sem juros

Plano 3

236
Economize R$156
R$ 2.832 por ano
em até 6x sem juros

Plano 4

359
Economize R$480
R$ 4.308 por ano
em até 6x sem juros

Assine e receba novos materiais

⚠ Não se preocupe, você não receberá spams. Além disso, seus dados estão seguros, conforme a Lei Geral de Proteção de Dados.

Fique por dentro

Parabéns por se inscrever

Quer receber conteúdos e materiais em primeira mão? Acesse nosso grupo gratuitamente!