Pesquisar
Close this search box.

Como fazer vídeos de produtos de maneira eficiente

Para fazer vídeos de produtos eficientes você precisa: conhecer seu público-alvo, definir o propósito e a mensagem principal do seu vídeo, fazer um ótimo roteiro e colocar um CTA final. Lembre-se: é importante gravar seu conteúdo com uma boa câmera, cuidar da iluminação do ambiente e usar um software eficiente para fazer a edição do seu vídeo.
como fazer vídeos

Principais tópicos

Em uma era em que a economia digital domina o comércio e o consumidor está cada vez mais engajado nas plataformas visuais, a importância de fazer vídeos de produtos e marcas é inegável.

A partir do uso dessa estratégia, é possível captar a atenção do consumidor, aumentar a compreensão do produto, impulsionar as conversões de venda e facilitar o compartilhamento nas redes sociais, além de diversas outras vantagens para o negócio.

Em contraste com os blocos de texto ou imagens estáticas, os vídeos oferecem uma experiência imersiva, capaz de manter os espectadores envolvidos por períodos mais longos.

Isso aumenta a probabilidade de que absorvam a mensagem de marketing e interagirem com o produto. Além disso, esse tipo de formato é adorado pela maioria dos públicos.

Ao longo deste conteúdo, compartilharemos várias técnicas e dicas para a criação de vídeos atraentes e eficazes para melhorar as suas vendas.

Também abordaremos a importância fundamental do conteúdo audiovisual no atual ambiente de marketing e daremos dicas de como preparar um conteúdo de qualidade.

Ficou interessado e quer saber mais sobre como fazer vídeos de produtos? Então, continue a leitura e confira o nosso conteúdo até o final.

Quais as vantagens do uso de vídeos na estratégia de marketing?

A inclusão de vídeos em sua estratégia de marketing digital pode ter um impacto significativo em seu alcance, engajamento, confiança da marca, conversões e vendas etc.

Confira em detalhes cada um desses benefícios: 

  • aumento da taxa de conversão: a inclusão de um vídeo na página do produto pode aumentar as conversões de vendas;
  • aumento de engajamento: os vídeos tendem a ser mais envolventes do que outros tipos de conteúdos devido a sua capacidade de reter a atenção do público por mais tempo e estimular interações, como compartilhamentos, comentários e curtidas;
  • ampliação do alcance da marca: com o compartilhamento de vídeos nas redes sociais e em outras plataformas, a sua marca pode conquistar uma impressão mais duradoura;
  • conteúdo memorável: vídeos são mais propensos a serem lembrados do que textos ou imagens estáticas;
  • prova social: ao ver o produto em ação ou sendo usado por outras pessoas, os clientes em potencial podem se identificar mais facilmente e sentir uma necessidade maior de adquiri-lo;
  • melhora o SEO: o Google e outros mecanismos de busca tendem a priorizar o conteúdo de vídeo nos resultados de pesquisa, especialmente se eles estiverem bem otimizados. 

Como fazer vídeo de produto para seu e-commerce 

Produzir um vídeo de produto para divulgar em seu e-commerce pode ser uma estratégia poderosa para intensificar o engajamento dos seus clientes e acelerar as vendas do seu negócio.

No entanto, a criação de um conteúdo audiovisual de impacto exige mais do que simplesmente acionar a câmera ou o smartphone e iniciar uma gravação — na verdade, é fundamental ter uma estratégia bem articulada.

A seguir, vamos explorar algumas dicas essenciais para realizar essa tarefa. Confira!

Conheça seu público-alvo

O primeiro e mais importante passo na criação de um vídeo de produto eficaz é compreender profundamente o seu público-alvo.

Esse conhecimento é crucial para personalizar o conteúdo conforme as preferências e expectativas do espectador, gerando resultados mais efetivos.

Cada grupo demográfico tem suas particularidades, incluindo preferências, interesses e comportamentos únicos, o que significa que o que funciona com um pode não ter o mesmo efeito com o outro.

Portanto, para que você possa conhecer melhor o seu público-alvo, é importante considerar os seguintes aspectos:

  • estilo de vida: o estilo do vídeo deve estar alinhado com as preferências do seu público. Se forem pessoas mais jovens, elas podem apreciar um conteúdo mais rápido e dinâmico. Por outro lado, gente mais madura pode preferir um ritmo mais lento e explicativo;
  • linguagem: a comunicação empregada no vídeo deve ser adequada ao público, visto que alguns grupos podem se identificar com um tom mais informal e contemporâneo, com o uso de gírias e referências culturais atuais, enquanto outros podem preferir um tom mais formal e informativo;
  • mensagem: compreender o que o seu público espera do seu produto ou marca é fundamental para criar um conteúdo relevante e atraente. Se forem pessoas entusiastas no mundo fitness, utilizar uma abordagem que contribua para uma vida mais saudável pode ser mais apropriado.

É necessário entender as necessidades e motivações do público para criar um conteúdo relevante.

Além disso, fazer as perguntas certas pode ajudar a esclarecer essas necessidades e orientar a criação de um conteúdo rico.

A seguir, listamos algumas perguntas que podem servir como guia: 

  • Que tipo de problemas meu público-alvo está tentando resolver?
  • Quais são os interesses e atividades de lazer do meu público?
  • Quais são os valores e crenças dos meus espectadores?
  • Qual é o nível de conhecimento do meu público sobre o meu produto ou serviço?
  • Que tipo de conteúdo o meu público consome em outros lugares?

As respostas para essas perguntas podem variar dependendo do segmento do público que você está tentando alcançar.

Portanto, pode ser útil repetir esse exercício para diferentes segmentos de grupos para garantir que o seu vídeo seja relevante para o maior número possível de espectadores.

Defina o propósito do vídeo

Depois de conhecer quem é o seu público-alvo, o próximo passo é definir o propósito do conteúdo audiovisual.

Portanto, pergunte a si mesmo: “O que eu quero que este vídeo realize?”.

Isso pode variar de aumentar a conscientização sobre a sua marca, ensinar as pessoas a usarem um produto, aprimorar o envolvimento nas redes sociais ou vender um produto, ou serviço específico. 

Ao definir o propósito, você pode estruturar o seu vídeo de maneira a alcançar seus objetivos mais efetivamente.

Para isso, é importante conhecer os diferentes tipos de que podem ser usados na sua campanha:

  • demonstração: geralmente utilizado para demonstrar as funcionalidades do produto e como ele resolve um problema específico para o usuário;
  • resenha: comumente produzidos por influencers para fornecer uma análise detalhada de um produto;
  • unboxing: são vídeos em que um produto é desembalado pela primeira vez, mostrando tudo o que está incluído na caixa e as primeiras impressões;
  • promoção: o objetivo principal aqui é promover e vender um produto ou serviço com informações sobre os benefícios do produto e uma chamada à ação para encorajar o espectador a adquirir o item;
  • somente com imagens do produto: com ou sem narração e trilha sonora, este tipo de vídeo concentra-se em mostrar o produto em detalhes;
  • vídeos com narração em off: aqui o narrador descreve o que está acontecendo na tela, incluindo a descrição do produto, a história da marca ou  instruções sobre como usar o produto;
  • vídeos apresentando o produto: semelhantes aos de demonstração, mas com mais foco na apresentação do produto e suas características únicas, em vez de necessariamente mostrar como ele é usado.

Cada tipo de vídeo tem suas próprias vantagens e o melhor tipo para você dependerá do propósito do seu conteúdo, produto e público-alvo.

Defina a mensagem vídeo

A mensagem que você deseja transmitir é o coração do seu vídeo de marketing, e por isso, ela deve ser clara, concisa e focada.

Antes de criar o conteúdo, pense cuidadosamente sobre o que você deseja que o público saiba e entenda depois de assisti-lo.

Além disso, a abordagem da sua mensagem também pode variar dependendo do seu objetivo.

Se a meta for aumentar a conscientização da marca, a mensagem pode ser o que faz ela ser única no mercado.

Por outro lado, se o objetivo for vender um produto, ela pode girar em torno das características dele e de como ele pode resolver um problema específico como o cliente.

Contudo, é importante ficar atento, pois, independentemente da mensagem, certifique-se de que ela seja relevante para o seu público-alvo e esteja alinhada com a sua marca e os seus objetivos de negócio.

Defina a chamada à ação

A chamada à ação (CTA) é o que você deseja que os espectadores façam depois de assistir ao vídeo.
Isso pode ser qualquer coisa, desde visitar o seu site, se inscrever para um boletim informativo, compartilhar o vídeo nas redes sociais, fazer uma compra ou entrar em contato com a sua empresa.
Ela deve ser clara, direta e fácil para o público seguir.

Portanto, se você quiser que os espectadores visitem o seu site, por exemplo, facilite o processo incluindo o URL no conteúdo e diga explicitamente para visitá-lo para obter mais informações.

Essa estratégia é crucial para direcionar o comportamento do espectador e alcançar os seus objetivos de marketing.

Lembre-se de que a CTA deve estar diretamente relacionada ao propósito do vídeo e à mensagem que você está transmitindo.

Confira também: CTA para e-mail marketing: como escolher o melhor formato para sua estratégia

Organize a sequência das ações

Dependendo do tipo de vídeo que está sendo produzido, é muito importante organizar a sequência de ações e traçar cada uma delas.

Essa organização ajuda a garantir que ele flua de maneira lógica e coesa, e que a mensagem ou história que você deseja transmitir seja clara para o espectador.

Se você estiver criando um conteúdo no formato de tutorial ou demonstração de produto, por exemplo, cada passo ou característica do produto deve ser apresentado em uma ordem que faça sentido.

Pular de um ponto para outro sem uma sequência lógica pode confundir o público e tornar o vídeo difícil de seguir.

Da mesma forma, se o vídeo tiver uma narrativa promocional de marca, é crucial planejar a sequência das ações para que a história seja contada de maneira eficaz.

E para ajudá-lo a organizar a sequência das ações, você pode utilizar uma técnica chamada “storyboarding”, que consiste na criação de uma série de esboços e ilustrações que representam cada cena ou ação.

Desenvolva o roteiro do vídeo

Depois de todos os passos anteriores muito bem definidos, chegou a hora de escrever um roteiro claro e conciso para manter o conteúdo organizado.

Esse documento deve descrever todo o conteúdo do vídeo, cena por cena, antes de ser filmado ou produzido.

Funciona como um plano ou mapa, fornecendo detalhes de cada elemento visual, diálogo, ação, som e transição que será incluído.

Geralmente, um roteiro de vídeo inclui:

  • cenas/sequências: descrição de cada cena ou sequência em detalhes do ambiente, ações que estão ocorrendo e qualquer outra informação relevante para entender a cena;
  • diálogo/falas: ordem de cada diálogo dos personagens (ou narrador) que ocorrerá no vídeo;
  • direção de cena: guia para a ação que está ocorrendo na cena. Isso pode incluir detalhes sobre o movimento dos personagens, a forma como estão interagindo com o ambiente ou com outros personagens etc.;
  • elementos de áudio: o roteiro também pode incluir detalhes sobre qualquer música, efeito sonoro ou outros elementos de áudio que serão utilizados no vídeo;
  • transições: as transições de uma cena para outra também devem ser especificadas no roteiro;
  • gráficos e textos: se o vídeo incluir gráficos, títulos, legendas ou outros elementos de textos, eles também devem ser detalhados no roteiro.

A elaboração de um roteiro de vídeo é uma etapa essencial no processo de produção, pois permite que você organize suas ideias, planeje sua narrativa e tenha uma visão clara de como o conteúdo final será.

Para melhorar o seu entendimento sobre como funciona a estrutura de um roteiro para produtos, elaboramos um modelo de exemplo de um produto fictício. Veja abaixo.

Cena 1

[Close-up da panela antiaderente em um fogão limpo e moderno. A luz da manhã entra pela janela].

Narração:

“Conheça a nossa nova panela que promete revolucionar a maneira como você cozinha.”

Cena 2

[Close-up da panela fritando ovo sem o uso de óleo].

Narração:

“Com seu revestimento antiaderente, você pode fritar qualquer alimento sem a utilização de óleo.”

Cena 3

[Mostrar uma família sentada à mesa se alimentando de produtos saudáveis].

Narração:

“Assim, sua família poderá desfrutar de refeições saudáveis e sem preocupações.”

Cena 4

[Mostrar o logotipo da empresa e as informações de contato].

Narração:

“Visite agora mesmo o nosso site ou ligue agora para fazer o seu pedido.”

Este foi um exemplo bastante simplificado, mas dependendo do produto, público-alvo e objetivos de marketing, você pode adicionar mais detalhes, contar uma história, incluir depoimentos de clientes e assim por diante.

A chave é garantir que o roteiro destaque de forma eficaz as características e benefícios do seu produto.

Dicas para fazer bons vídeos de produtos para seu e-commerce

Criar vídeos de produtos envolventes e eficazes para a estratégia do seu e-commerce pode ser um grande impulsionador de vendas e engajamento do cliente.

Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a fazer isso, incluindo sugestões de softwares de edição gratuitos.

Tenha uma boa câmera ou celular com boa resolução

A qualidade visual é ponto determinante para vídeos profissionais.

Felizmente, atualmente existem uma variedade de câmeras e smartphones com resolução excelentes que podem ser usadas para filmar em alta qualidade.

Garanta uma boa iluminação

Em conjunto com o dispositivo de filmagem com boas resolução, contar com um cenário bem iluminado pode fazer uma enorme diferença.

O ideal é tentar gravar em luz natural ou investir em algumas luzes de estúdio para garantir que o seu produto seja visto claramente e pareça atraente.

Grave diferentes tomadas do produto

Ao apresentar o produto, certifique-se de filmar em vários ângulos e perspectivas diferentes.

Isso pode oferecer ao espectador uma visão completa do produto e a manter o vídeo visualmente interessante e intuitivo.

Evite usar filtros na edição

Embora os filtros possam ser divertidos, eles também podem distorcer as cores e a aparência do seu produto. Nesse caso, é muito importante que os seus clientes vejam o produto como ele realmente é.

Edite seu vídeo

A edição pode transformar um bom vídeo em um ótimo vídeo.

Aqui estão cinco softwares de edição gratuitos que você pode considerar: 

  • DaVinci Resolve: é uma ferramenta de edição profissional usada em muitos filmes de Hollywood, mas oferece uma versão gratuita bastante poderosa;
  • CapCut: desenvolvido pela dona do TikTok, a ferramenta também tem uma opção para editar os vídeos da rede social. Além de possuir uma biblioteca de efeitos, música e transições, é bastante amigável e intuitivo;
  • ShotCut: fácil de usar e com recursos de correções de cores, essa ferramenta permite a inclusão de trilhas sonoras e edição do áudio separadamente;
  • Adobe Premiere Rush: possui uma interface intuitiva e permite que sejam feitas edições simples e em bom nível de produção;
  • Kdenlive: fácil de utilizar com um bom recurso para ajudar quem está começando com a plataforma;
  • OpenShot: ideal para edições básicas, como cortar vídeos, adicionar transições e efeitos, tudo em boa qualidade de imagem.

Criar vídeos eficazes para produtos leva tempo e prática.

Portanto, teste diferentes abordagens, monitore seus resultados e continue otimizando seus conteúdos com base no que funciona melhor para o seu público e o seu produto.

Saber como fazer vídeos de produtos é uma estratégia poderosa para aumentar o envolvimento do cliente e impulsionar vendas.

Aliado a um bom planejamento, estratégia e execução cuidadosa, o retorno em termos de engajamento do público e vendas pode ser significativo para o seu negócio.

Como tirar fotos de produtos;
Guia para fazer Live no TikTok;
Como fazer Live no Instagram.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira os Planos Tray e abra sua loja virtual
Plano 1
52
Economize R$144
Economize R$144
Economize R$84
R$ 624 por ano
Economize R$144
em até 6x sem juros

Melhor custo benefício

Plano 2
94
Economize R$60
R$ 1.128 por ano
em até 6x sem juros

Melhor custo benefício

Plano 3
236
Economize R$156
R$ 2.832 por ano
em até 6x sem juros
Plano 4
359
Economize R$480
R$ 4.308 por ano
em até 6x sem juros

Plano 1

59

Melhor custo benefício

Plano 2

99

Melhor custo benefício

Melhor custo benefício

Melhor custo benefício

Plano 3

249

Plano 4

399

Assine e receba novos materiais

⚠ Não se preocupe, você não receberá spams. Além disso, seus dados estão seguros, conforme a Lei Geral de Proteção de Dados.

Fique por dentro

Parabéns por se inscrever

Quer receber conteúdos e materiais em primeira mão? Acesse nosso grupo gratuitamente!