Pesquisar
Close this search box.

Como fazer parcerias? Confira como aumentar as vendas do seu negócio em 8 passos

Por meio de parcerias estratégicas, a sua empresa consegue atingir um público e uma audiência nova. Para fazer parcerias de sucesso é preciso definir objetivos, pesquisar empresas parceiras e enviar uma proposta que mostre a vantagem da parceria para ambas as partes. Depois da parceria fechada é importante sempre monitorar os resultados.

Principais tópicos

Saber fazer parcerias estratégicas é muito importante para o crescimento de um e-commerce e empresas no geral.

Ao unir forças com outras empresas e influenciadores digitais, é possível ampliar o seu alcance, aumentar as vendas e fortalecer a marca.

Contudo, não é qualquer parceria que garante o sucesso, é preciso saber como escolher a empresa parceira e como criar uma proposta de valor que possibilite os diversos benefícios que essa estratégia possibilita.

Se é sobre isso que você quer saber, confira agora mesmo este artigo e descubra o passo a passo para escolher a parceria ideal para o seu negócio.

Não deixe de conferir!

O que é parceria?

Parceria é uma colaboração estratégica e planejada entre duas ou mais empresas, com objetivos semelhantes.

Para que funcione da maneira correta, é preciso que haja a união de recursos, conhecimentos e esforços, para que o objetivo em comum seja alcançado.

Existem muitos motivos e benefícios para os negócios que estão buscando por parcerias.

Por exemplo, um e-commerce de roupas e acessórios femininos pode perceber que existe uma boa demanda, dentre suas clientes, por produtos de beleza.

Mas, essa empreendedora entende que não tem a expertise necessária para abranger essa área de atuação.

Para esse caso, uma solução viável é justamente fazer parceria com uma empresa especializada em produtos de beleza.

Afinal, com essa parceria, além de aumentar o alcance da marca e atingir um novo mercado.

As duas empresas podem oferecer preços competitivos e fazer vendas casadas, uma para a outra.

Por que meu negócio precisa de uma parceria?

Existem muitos motivos que justificam a realização de parcerias, como terceirizar serviços para empresas com expertise, aumentar o alcance e muito mais.

Aumento do alcance e visibilidade da marca

Com boas parcerias, você pode ampliar o alcance e a visibilidade da sua marca.

Isso, porque com a parceria certa, a sua empresa consegue atingir um público e audiência nova, que não faziam parte dos seus consumidores diretos.

Afinal, seus produtos passam a serem expostos para a audiência parceria, que tende ser de um nicho muito semelhante ao seu.

Logo, o seu alcance é ampliando para consumidores com real potencial de fazerem negócios com a sua marca.

Compartilhamento de recursos e conhecimentos

Ao unir forças com outras empresas, é possível compartilhar recursos e conhecimentos.

O que reflete em maior eficiência operacional e acesso otimizado a expertise e serviço mais especializado.

São muitos os fatores que permitem isso, como o compartilhamento de tecnologias, infraestrutura, logística e em habilidades em áreas mais específicas.

Saber como aproveitar esses recursos, conhecimentos e expertise, pode se tornar um diferencial competitivo muito importante para os negócios.

Aumento da credibilidade da marca

Quando a parceria é feita com uma empresa estabelecida no mercado, com boa reputação.

Além de aumentar a visibilidade da marca, o seu negócio ainda passa a ganhar mais credibilidade.

Isso, porque ao associar uma marca a parceiros autoridades em um assunto, a sua marca passa a transmitir uma imagem de confiança e qualidade para os consumidores.

O que pode resultar no aumento da percepção de valor da empresa e atrair novos clientes em potencial.

Divisão de riscos

Outra grande vantagem d estabelecer parcerias de valor, é que os custos de algumas operações podem ser compartilhados, para projetos ou ações específicas.

Com o compartilhamento de recursos, a carga financeira de cada empresa é diminuída, permitindo que os riscos que envolvem determinadas ações também sejam compartilhados.

Como exemplo, uma empresa pode firmar uma parceria para participar de um determinado evento, compartilhando os custos de montagem do evento e dos riscos, caso o evento não gere o resultado planejado.

Aproveitamento da sinergia e competências complementares

Com a escolha das parcerias certas, é possível aproveitar as sinergias e competências complementares entre as parcerias envolvidas.

Cada negócio tem as suas próprias áreas de especialização.

A união dessas competências permite a criação de oferta muito mais abrangente e única para os clientes.

Com isso, as expectativas e necessidades dos seus clientes são atendidas de forma muito mais eficiente, oferecendo uma experiência muito mais completa para eles.

Acesso a novas oportunidades de negócios

As parceiras também permitem a criação de novas oportunidades de negócios para a sua empresa.

Com a colaboração em novos projetos, desenvolvimento de novos produtos, participação em eventos do mesmo nicho e outras ações.

Sua marca é exposta para uma audiência nova, que podem ser clientes físicos ou outras empresas.

Essas novas oportunidades de negócios, podem impulsionar o crescimento da sua empresa, expandir as ofertas e gerar um aumento significativo da receita do empreendimento.

Como fazer parcerias com empresas?

Como já vimos, as parcerias são muito importante para otimizar os resultados do seu negócio de diferentes maneiras.

Mas, é fundamental que seja feita da maneira certa.

Pensando nisso, preparamos uma passo a passo para você saber como fazer parcerias com outras empresas.

Não deixe de conferir!

1°Passo – Defina os objetivos

O primeiro passo, é justamente estabelecer quais são os objetivos com a parceria que será firmada.

Isso, porque como já mencionamos, a parceria deve gerar benefícios e fazer com que a empresa tenha melhores resultados.

Assim, sendo é preciso entender o que se espera alcançar com a parceria.

Existem muitas possibilidades, como acessar um novo mercado, compartilhar recursos para uma ação, aumentar a visibilidade da marca e muito mais.

Ao definir o objetivo, será preciso encontrar o parceiro que melhor atenderá as necessidades e objetivos para a sua estratégia.

2°Passo – Pesquise as empresas parceiras

Com o objetivo definido, é preciso pesquisar e realizar uma avaliação aprofundada dos potenciais parceiros que vão te ajudar a conquistar seus objetivos.

Para essa etapa, comece buscando por empresas que tenham públicos semelhantes ou que se relacionem de alguma maneira com o seu negócio e que ofereçam soluções que possam ser relacionadas as da sua empresa e que tenham uma boa reputação no mercado.

Não é preciso que a empresa seja exclusivamente do mesmo setor, mas sim, que tenha soluções que possam ser relacionadas com as do seu empreendimento.

3°Passo – Estabeleça contato

Com a identificação da potenciais parcerias, é o momento de estabelecer os primeiros contatos.

Existem diversas formas para essa etapa, como comunicação via e-mail, ligações, reuniões presenciais e muito mais.

O mais importante, é que tenha sido feita uma pesquisa aprofundada sobre essa empresa parceira, para que você saiba como abordar e mostrar os benefícios que ambas podem colher.

Somente assim, será possível construir uma parceria que seja duradoura e realizada por meio de um relacionamento sólido.

4°Passo – Desenvolva propostas personalizadas

Com essas informações relevantes e o melhor canal de comunicação estipulados, é preciso desenvolver uma proposta personalizada e que deixe clara os benefícios de fazer a parceria.

Logo, tenha informações suficientes para mostrar como ambas podem se beneficiar e trabalharem juntas para alcançar os seus objetivos individuais.

Mostre como o seu negócio pode contribuir com a parceria e como o trabalho conjunto poderá melhorar os resultados das duas.

Mais adiante, preparamos um tópico explicando como montar uma proposta de parceria.

5°Passo – Negocie os termos e condições

Ao encontrar e definir uma parceira ideal para fazer negócios, é fundamental negociar e estabelecer os termos, e condições dessa parceria.

Por mais que a parceria seja muito promissora, é preciso estabelecer alguns critérios para que ninguém se sinta usado.

Logo, defina quais são as responsabilidades de cada uma, quais serão os recursos compartilhados.

Como os custos e ganhos que serão divididos, qual será o tempo de duração da parceria e tudo o mais que for preciso para uma boa relação de parceria.

Após a discussão dos aspectos técnicos, não se esqueça de deixar tudo bem documentado para que mal entendidos sejam evitados.

6°Passo – Estabeleça uma comunicação transparente

Uma comunicação transparente, com clareza e sinceridade é peça-chave para uma boa relação.

Para tanto, mantenha canais de comunicação abertos e que conversas e reuniões sejam constantes.

Com essa abertura para comunicação, as chances de alinhamento entre as partes é muito maior.

Além disso, quando existe uma boa comunicação, a resolução de problemas é muito mais eficiente, o que gera um maior aproveitamento dos esforços conjuntos.

7°Passo – Monitore o progresso dos resultados

Conforme a parceria avança, é muito importante fazer avaliações constantes do relacionamento e dos benefícios que estão realmente acontecendo.

É muito importante avaliar o progresso da parceria com regularidade.

Estabelecer métrica de resultados para mensurar o impacto da parceria ao longo do tempo é a melhor forma de saber se ela realmente está sendo compensatória.

Afinal, objetivos foram definidos e é preciso saber se as ações conjuntas estão realmente aproximando a empresa desses objetivos.

8°Passo – Cultive um bom relacionamento

Como já vimos no tópico sobre comunicação, uma parceria não acaba quando é definida e firmada por ambas as partes.

Isso, porque uma etapa fundamental para o sucesso da empreitada, é nutrir sempre uma boa relação entre os envolvidos.

Para que isso ocorra, é preciso saber ouvir o parceiro, fornecer e receber feedbacks, manter uma comunicação ativa e estar disposto a cumprir com o que foi acordado.

Como montar uma proposta de parceria?

Agora, é o momento de saber como montar uma proposta de parceria que seja realmente atraente.

Essa é uma etapa fundamental para estabelecer uma colaboração bem-sucedida.

Acompanhe!

Faça uma introdução clara e envolvente

Comece a proposta com uma introdução que seja envolvente, transparente e bem elaborada.

Para tanto, o ideal é começar apresentando a sua empresa destacando quais são as características que a torna única no mercado.

Além disso, explique qual é o motivo que justifica o seu interesse em firmar essa parceria com determinada empresa, mostrando quais são os valores compartilhados e objetivos semelhantes, que justificam os esforços mútuos.

Mostre os benefícios da parceria

Não s esqueça que é você quem está entrando em contato, o que faz com que você seja, no momento, o principal interessado.

Assim sendo, é indispensável, já nos primeiros momentos, mostrar os benefícios que a parceria irá gerar para ambas as partes.

Foque nos ganhos mútuos, destaque como essa colaboração poderá otimizar os resultados de ambas.

Nesse momento, pode ser interessante mostrar os benefícios que a sua empresa poderá oferecer para que a parceira se sinta estimulada em firmar um acordo.

Lembre-se dos benefícios da parceria:

  • estimular o crescimento da empresa;
  • aumentar a visibilidade de marca;
  • expandir a base de clientes;
  • mais expertise;
  • aprimorar a solução ofertada;
  • compartilhar custos e riscos.

Descreva as contribuições e recursos que sua empresa oferece

Apresente, com nitidez, quais são as contribuições e os recursos que a sua empresa oferece para a parceria em questão.

Novamente, é o momento de mostrar sua experiência e disponibilidade de recursos.

Logo, apresente os seus conhecimentos especializados, habilidades técnicas, experiência aprofundada em determinadas áreas.

Além de acesso à base de clientes, recursos financeiros disponíveis, recursos tecnológicos e tudo o mais que gerar maior valor agregado à proposta.

Proponha um bom plano de ação

Outro aspecto que não pode faltar em uma boa proposta de parceria, é o plano de ação.

Apresente um plano de ação detalhado que descreva como a parceria funcionará e quais benefícios ela irá gerar para os envolvidos, bem como a sua forma de implementação.

Divida o plano de ação em etapas ou fases, mostrando as atividades, prazos, responsabilidades e recursos necessários para cada uma das fases indicadas.

Essa etapa, mostra que a proposta é profissional, organizada e que você está realmente comprometido em fazer com que a colaboração seja duradoura e próspera.

Para uma boa proposta, certifique-se de que o plano de ação seja viável e realista, considerando as capacidades e limitações que envolvem os dois empreendimentos.

Discuta os aspectos financeiros e jurídicos

Na proposta, aborde todos os aspectos financeiros e jurídicos que envolvem a colaboração, como a divisão de custos, receitas e responsabilidades legais.

Seja transparente na discussão desses tópicos, para que seja estabelecida uma base sólida, necessária para uma parceria justa e equilibrada.

Se achar necessário, busque por ajuda especializada com profissionais que entendam das questões jurídicas e legais que podem envolver a viabilidade da colaboração.

Encerre com um apelo à ação

Após apresentar todos os tópicos acima, finalize a proposta com uma chamada para ação que seja persuasiva e realmente motive a empresa parceira a começar as operações quanto antes.

Reforce os benefícios e oportunidades que a parceria oferece e estabeleça um uma data para a resposta da proposta.

Se não for o caso, estabeleça um próximo passo específico para a empresa cogitada.

É fundamental deixar nítido que você está realmente animado para a colaboração e disponível para discutir os detalhes ou esclarecer as possíveis dúvidas do parceiro.

Como escolher boas empresas parceiras

Escolher as empresas ou empresa certa é fundamental para o sucesso nos negócios e para ter uma colaboração realmente benéfica.

A seguir, mostraremos alguns aspectos que devem ser considerados para escolher a empresa ideal.

Acompanhe!

Alinhamento de valores e objetivos

Busque por empresas que compartilham dos mesmos valores e objetivos que os do seu negócio.

O alinhamento desses aspectos é fundamental para construir uma parceria sólida.

É muito importante considerar os princípios éticos, a missão, os valores e a cultura organizacional da parceira para garantir que estejam em harmonia e possam realmente trabalhar em equipe.

Compatibilidade de público-alvo

Considere apenas as empresas que tenham compatibilidade de público ou produtos que complemente os seus.

É preciso atingir uma nova base de clientes e oferecer melhorias nas soluções ofertadas para a sua base já existente de clientes.

Lembre-se que um dos objetivos que podem ser alcançados e justamente aumentar o alcance da marca, melhorar o faturamento e otimizar a experiência oferecida para os clientes já existentes.

Reputação e credibilidade

Ao firmar uma parceria, a sua marca estará diretamente associada a empresa parceira.

Por isso, é fundamental pesquisar a reputação e credibilidade da empresa parceira.

Avalie a qualidade dos produtos ou serviços oferecidos, a satisfação dos clientes, as avaliações online, feedbacks e tudo o mais que estiver disponível.

Trabalhar com empresas confiáveis e respeitadas no mercado ajuda na construção de confiança com os clientes e fortalecerá a imagem da sua própria marca.

Produtos complementares

Considere empresas que oferecem soluções que possam complementar as suas.

Ao estabelecer parceria com um empreendimento que oferece algo se relacione com o seu nicho de atuação, você pode criar sinergia e oferecer aos seus clientes uma solução mais robusta.

Como exemplo, uma empresa que vende roupas, criar colaboração com uma empresa de acessórios é uma boa forma de aumentar a cartela de clientes e criar uma solução ainda mais completa.

Capacidade de colaboração e suporte

Firme parceria com uma empresa que demonstre real interesse e disponibilidade para colaborar e oferecer suporte mútuo.

O objetivo é criar sinergia nos esforços desempenhados.

Para que tenha sucesso, a empreitada requer cooperação, troca de ideias e informações, bem como esforços conjuntos rumo aos mesmos objetivos.

Garanta que a empresa parceria esteja disposta a trabalhar em equipe, nos momentos de oportunidade e nos desafios que podem surgir.

Estabilidade financeira

Outro ponto importante de considerar, é a estabilidade financeira da empesa parceira.

É preciso que ela esteja em uma situação financeira sólida e bem posicionada para enfrentar os desafios e obstáculos que surgirão ao longo da jornada.

Potencial de crescimento e inovação

Bons parceiros, são aqueles que estão em busca constante por melhorias e sempre inovando para se adaptarem às mudanças mercadológicas que não param de surgir.

Os negócios que estão dispostos a experimentar novas estratégias, abordagens e com disponibilidade para aproveitar oportunidades são os que têm maiores chances de sucesso.

Comunicação efetiva

A comunicação será uma parte indispensável para o bom desenvolvimento da parceria.

Logo, você deve buscar por empresas que priorizam uma boa comunicação interna como parte da cultura da organização.

Ela deve estar disposta a trocar informações, dados, compartilhar feedbacks e resolver os conflitos de maneira construtiva.

A confiança, alinhamento de expectativas e o progresso da colaboração, dependem da boa comunicação estabelecida.

Capacidade de analisar resultado

Ao definir o empreendimento parceiro, certifique-se de que ele tem a capacidade analisar resultados e métricas.

É muito vantajoso contar com um parceiro que já tem a habilidade de avaliar seus resultados, para que essa prática também seja empregada nos processos de colaboração entre as marcas.

A capacidade de analisar e compartilhar dados é que mostrará as melhorias necessárias, os pontos fortes e onde recursos estão sendo desperdiçados.

Como fazer parceria com influenciadores digitais?

Parcerias feitas com influenciadores também é uma estratégia muito poderosa para as empresas e que vem ganhando cada vez mais popularidade.

Isso, porque os influenciadores, nas diversas plataformas de mídias sociais, contam com uma base de seguidores alta e, mais que isso, muito engajada.

Mas, assim como as parcerias com as empresas, é preciso saber escolher os influenciadores certos. Confira abaixo, o que considerar para acertar na sua escolha!

Identifique os influenciadores relevantes

O primeiro passo é encontrar o influenciador que seja relevante para o seu nicho de atuação e que tenha uma proposta de valor semelhante a do seu negócio.

Uma boa maneira é fazer pesquisas nas plataformas sociais, como Instagram, Youtube, Tiktok, entre outras. É preciso encontrar um influenciador que tenha uma base de seguidores engajados e que esteja presente nas plataformas em que o seu público-alvo também esteja.

Como critérios, é interessante considerar os influenciadores que tenham uma audiência com bom volume de seguires e que sejam engajados.

Importante lembrar, que o formato de conteúdo do influenciador deve ser autêntico para que a parceria tenha bons resultados.

Crie uma conexão autêntica

Ao contatar o influenciador escolhido, busque estabelecer uma comunicação autêntica e que realmente gere uma conexão entre as marcas.

Mostre que você realmente enxerga valor no trabalho dele utilizando uma abordagem personalizada.

Mostre familiaridade com o trabalho dele e saiba mostrar os benefícios que podem surgir caso a parceria seja firmada.

Deixe espaço para a criatividade

Como o trabalho do influenciador é diferente das tradicionais formas de marketing e publicidade.

É preciso deixar espaço para que ele produza conteúdos criativos e que dialoguem com a base de seguidores que ele tem.

Lembre-se, uma das grandes vantagens de trabalhar com esse tipo de criador de conteúdo, é justamente contar com a autenticidade que eles têm ao falar com a base de seguidores.

Portanto, estabeleça alguns parâmetros, mas permite que eles sejam bem criativos.

As parcerias estratégicas são poderosas ferramentas para impulsionar vendas fazer com que o negócio cresça de maneira saudável.

Existem muitas vantagens que podem ser alcançadas com essa prática e os e-commerces devem explorar esses recursos para se tornarem cada vez mais competitivos.

Existem muitas possibilidades para que está buscando parcerias, sendo preciso saber como escolher a empresa certa.

Como criar uma proposta de valor e quais são os passos que devem ser seguidos para aumentar as chances de sucesso.

Quer continuar aprendendo sobre o assunto?

Confira neste artigo como vender através de influenciadores.

Adquira sua Loja Online em Minutos!

Vamos ajudar você a abrir sua loja virtual na Tray agora mesmo.

Preencha as informações abaixo e te ligamos em até 1 minuto.

Em 1 minuto mesmo! Preencha aqui que nós ligamos para você

Loja Virtual + Cursos por R$ 59!

Descubra como impulsionar suas vendas online com uma loja virtual + cursos por apenas R$ 59! Clique aqui para aproveitar esta oferta incrível.

Você já é um cliente Tray?

Não perca os nossos mais recentes lançamentos e mantenha-se atualizado!

Confira os Planos Tray e abra sua loja virtual

Mensal
Anual

Plano 1

52
Economize R$84
R$ 624 por ano
em até 6x sem juros

Melhor custo benefício

Plano 2

94
Economize R$60
R$ 1.128 por ano
em até 6x sem juros

Plano 3

236
Economize R$156
R$ 2.832 por ano
em até 6x sem juros

Plano 4

359
Economize R$480
R$ 4.308 por ano
em até 6x sem juros

Assine e receba novos materiais

⚠ Não se preocupe, você não receberá spams. Além disso, seus dados estão seguros, conforme a Lei Geral de Proteção de Dados.

Fique por dentro

Parabéns por se inscrever

Quer receber conteúdos e materiais em primeira mão? Acesse nosso grupo gratuitamente!